logotype

Windows 10 ganha build 10049 com o aguardado Spartan, sucessor do IE

Depois de muitos anúncios e expectativas, parece que o Project Spartan vai finalmente chegar para os usuários comuns. De acordo com a Microsoft, o sucessor do Internet Explorer foi integrado ao desenvolvimento do Windows e sua primeira prévia pública está disponível na build 10049, a mais recente compilação do Windows 10. "Você vai poder usá-lo pela primeira vez em PCs", diz a Microsoft.

 

Funções incompletas

Na chegada do novo browser, entretanto, algumas de suas principais funções estarão incompletas ou sequer presentes. O recurso de salvar links para leitura posterior, por exemplo, está disponível na nova build, mas a funcionalidade ainda não consegue fazer a sincronia entre dispositivos, nem tampouco salvar o conteúdo para leitura offline.

A assistente por comandos de voz Cortana também já está presente no navegador, mas ainda não consegue entender o português, como acontece na versão completa do Windows 10, que suporta outras línguas.

É possível, entretanto, alterar o idioma da assistente na versão de instalação do Windows para utilizá-la. O suporte a extensões também só deverá aparecer em futuras atualizações e novas builds oficiais.

Um recurso importante que estará disponível nessa primeira versão do Spartan são as anotações em páginas da web. Os usuários do navegador que utilizam dispositivos com tela sensível ao toque podem rabiscar nos sites e depois compartilhar esses rascunhos entre seus contatos ou nas redes sociais.

Para testar o Project Spartan o processo é semelhante ao das últimas builds. Se o usuário já estiver testando versões anteriores do Windows 10 em seu computador, basta fazer a atualização pelo Windows Update. Quem ainda não estiver experimentando o novo sistema da Microsoft deverá baixar a imagem ISO do sistema, instalá-lo e depois atualizar sua versão para a mais nova.

Antes de experimentar o Spartan, é muito importante estar ciente de que essa versão do navegador ainda está em fase inicial de desenvolvimento e portanto, pode apresentar falhas. O novo navegador roda em paralelo ao IE e ainda não substitui por completo o Internet Explorer no computador.

2017  Arley Junior  Todos os direitos reservados